segunda-feira, 11 de março de 2013

Poupex/FHE concede crédito imobiliário a ministros e servidores do Supremo


O Supremo Tribunal Federal celebrou termo de compromisso com a Associação de Poupança e Empréstimo – POUPEX para concessão de linha de crédito imobiliário a ministros, servidores e inativos e pensionistas, mediante consignação em folha de pagamento.

A POUPEX é gerida pela Fundação Habitacional do Exército (FHE) e opera dentro das regras do Sistema Financeiro de Habitação. O convênio foi assinado por Fernando Silveira Camargo, diretor-geral do STF, e pelo general Eron Carlos Marques, presidente da POUPEX e da FHE.

A contratação pelo STF sugere que a fraude identificada em 2010 nos contratos fictícios firmados pela Associação dos Juízes Federais da 1ª Região (Ajufer) com a FHE/POUPEX não abalou a imagem dessa instituição financeira junto à cúpula do Judiciário.
No site da Poupex, o Supremo está citado na lista de mais de 30 tribunais com os quais a instituição mantém convênio.

Embora não tenha havido maior transparência, na época, para informar eventuais responsabilidades de servidores ou dirigentes, a FHE/POUPEX tomou as medidas apropriadas quando uma auditoria interna constatou as irregularidades nos contratos com a associação de magistrados: moveu ação ordinária na Justiça Federal da 1ª Região, cobrando uma dívida de R$ 21 milhões.

A ação de cobrança foi ajuizada, mesmo sabendo-se que alguns dos suspeitos –ex-presidentes da entidade, hoje investigados– eram magistrados influentes na Justiça Federal daquela região.

2 comentários:

  1. Meus amigos é por isso que leva a ter SUSPEIÇÕES nos julgamentos e procedimentos dos PROCESSOS dos MILITARES DE BAIXA PATENTE no BRASIL INTEIRO!!!! ESTÁ AÍ A EXPLICAÇÃO, ENTIDADES ADMINISTRADAS POR OFICIAIS: GENERAIS E CORONÉIS DO RESERVA E REFORMADO. É COMO SE DIZ: UMA MÃO LAVA A OUTRA!! POIS OS ABUSOS QUE SÃO COMETIDOS CONTRA OS PRAÇAS DAS TRÊS FORÇAS É UM ABSURDO E NINGUÉM FAZ NADA PARA CORRIGIR ESTAS DISTORÇÕES INJUSTAS E DESPROPORCIONAIS, COMEÇANDO PELO REAJUSTE SALARIAL; POIS O MILTAR DAS FORÇAS ARMADAS QUE MENOS GANHA É O CABO, PROPORCIONALMENTE FALANDO, POR CAUSA DA RESPONSABILIDADE, EXPERIÊNCIA E TEMPO DE SERVIÇO NA FUNÇÃO!!!! E NÃO TEM O MERECIDO RECONHECIMENTO. PARA SE TER TEM QUE ENTRAR NA JUSTIÇÃ E AGUARDAR MUITO TEMPO PARA QUE A JUSTIÇA FAÇA O DEVIDO RECONHECIMENTO. É UMA TRISTEZA!!! INFELIZMENTE, SÓ TEMOS HÁ LAMENTAR!!! AQUI NO BRASIL!!!! E A DILMA FALA EM INCLUSÃO SOCIAL, CORREÇÃO DE INJUSTIÇAS, BRASIL SEM MISÉRIA E ETC .... É UM PARADOXO E CONTRADITÓRIOS SEM TAMANHO A COMEÇAR PELAS NOSSAS PROMOÇÕES A SOBOFICIAL, COMPARADAS COM OS TAIFEIROS QUE, SÃO FUNÇÕES QUE SE NIVELAM NO MESMO PATAMAR DE PRATICIDADE.

    ResponderExcluir
  2. Melhor ficar anônimo mesmo e quando aprender a escrever um pouco mais se identifique.

    Maxx

    ResponderExcluir