terça-feira, 25 de junho de 2013

O BRASIL QUE DA CERTO


No ano de 2012, o Exército Brasileiro entregou a ampliação do Aeroporto de Guarulhos, dentro do prazo e como se não bastasse, ainda devolveu aos cofres públicos um montante de 150 milhões que "sobraram" do valor previsto. Apenas agora nossa equipe tomou conhecimento do fato pois na época houve um veto a imprensa. 

Um trecho de 1060 m – de um total de 3.700 m – foi inteiramente reformado pelo Departamento de Engenharia do Exército, com apoio de empreiteiras privadas.

Em quatro meses de trabalho, em turnos que começavam às 6h e terminavam às 22h, inclusive aos sábados, a pista foi recuperada dentro do prazo (com quatro dias de antecedência).

A obra consistiu na construção de duas pistas secundárias de saída rápida, reasfaltamento de 1.060 m, iluminação, sinalização e grooving (ranhuras para facilitar a frenagem). Os demais 2.640 m passarão pela mesma reforma, em datas não fixadas.

Fato Curioso

A cerimônia aconteceu em maio de 2012 e foi realizada sem a presença da imprensa, pois houve um veto aos jornalistas por parte da INFRAERO. Apenas militares prestigiaram o evento.

Resta saber o por que de não divulgar um ato tão importante visto que o Brasil sofre com atrasos em obras importantes, grandes desvios de dinheiro público além de obras superfaturadas.

A obra foi orçada em 430 milhões porém custou apenas 280 milhões. Como não houveram desvios e comissões, 150 milhões retornaram aos cofres públicos.

fonte: cenariomt

Nenhum comentário:

Postar um comentário