segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Manifestantes mascarados colocam fogo em ônibus e no Clube Militar, no Rio

MARCO ANTÔNIO MARTINS

DO RIO

Manifestantes mascarados colocaram fogo no Clube Militar e em um ônibus no centro do Rio na noite desta segunda-feira (7). Localizado na esquina da avenida Rio Branco com rua Santa Luzia, o clube foi atingido por um coquetel molotov. Parte da sobreloja do clube está em chamas.

Na praça da Cinelândia, diante do clube, o cenário é de confronto entre manifestantes mascarados e policiais militares. Às 20h10, o grupo avançou contra os PMs atirando coquetéis molotov e fogos de artifício. Os manifestantes quebram telefônicos públicos e colocam fogo em lixo espalhado no meio da avenida.


Atualmente, o clube é local de reunião de militares da reserva e de seus familiares. Todos os anos, os sócios fazem questão de comemorar o 31 de março, dia que apontam como o início do que chamam de governo militar (1964 - 1985). Os dirigentes do clube chegaram a criar uma comissão, em 2012, para acompanhar os trabalhos da Comissão da Verdade criada pelo governo federal.

O ônibus também foi alvo de coquetéis molotov na avenida Rio Branco, próximo ao Aterro do Flamengo. Após colocar fogo no veículo, o grupo o empurrou contra um restaurante, já fechado. Bombeiros combatem as chamas no local. Principal via do Centro do Rio, a avenida Rio Branco permanece interditada ao trânsito.

Fonte: Folha de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário