segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Aécio tem mais seguidores no Facebook, mas Dilma é campeã de interações

Aécio tem mais seguidores no Facebook, mas Dilma é campeã de interações
Tucano tem mais de 1 milhão de seguidores no Facebook, mas presidente usa mais a rede
Consultoria Social Baker compara números dos principais candidatosà Presidência no FacebookReprodução
Segundo colocado nas pesquisas de intenção de voto para a Presidência da República, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) lidera a corrida eleitoral no Facebook. Pelo menos no número de seguidores. Dos três principais candidatos ao Planalto, o senador tucano conta 1.014.687 seguidores até este sábado (2), 7.000 a mais que o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB). É a presidente Dilma Rousseff, contudo, que consegue mais engajamento.
Com 845 mil seguidores, Dilma registrava 3,2 milhões de interações até este fim de semana, segundo a consultoria Social Bakers. Enquanto isso, Aécio não passou de 1,8 milhão, e Campos, de 1 milhão. Além disso, o perfil de Dilma posta mais (123 mil contra 63,6 mil de Aécio, por exemplo) e tem a maior taxa de engajamento (18,66% contra 6,42% de Aécio e 2,63% de Campos).
A maior parte das interações dos candidatos é de “curtidas”, mas a presidente Dilma se destaca quando se trata de compartilhamentos. Das interações da candidata à reeleição, 23% são de “shares”, o que aumenta o alcance das mensagens publicadas no perfil da presidente. No caso de Campos, o percentual de “shares” é de 17%; o de Aécio, de 14%.
Vices
Entre os candidatos a vice nas chapas dos principais presidenciáveis, a ex-senadora Marina Silva se destaca com muita vantagem em relação ao senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) e ao vice-presidente Michel Temer. Marina, que é vice na chapa de Campos, soma 759,8 mil seguidores, enquanto Temer tem apenas 31 mil e Aloysio, vice de Aécio, tem 6,4 mil.
O resultado dessa diferença no número de seguidores pode ser sentido no número de interações, que Marina lidera com 587,5 mil. Seu perfil já postou 130,8 mil vezes, contra apenas 1,4 mil de Temer e 869 de Aloysio Nunes.
Fonte: R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário