terça-feira, 2 de junho de 2015

PF INDICIA RICARDO TEIXEIRA POR LAVAGEM DE DINHEIRO

'EX-DONO' DA CBF MOVIMENTOU R$ 464 MILHÕES NA ORGANIZAÇÃO DA COPA

JERÔME VALCKE (FIFA) E RICARDO TEIXEIRA, DURANTE A ORGANIZAÇÃO DA COPA

A Polícia Federal indiciou o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) por suspeita de participar de esquema internacional de lavagem de dinheiro. De acordo com relatório da PF, o ex-mandatário da CBF movimentou R$ 464 milhões durante a organização da Copa do Mundo do ano passado e a movimentação se deu entre 2009 e 2012, quando Teixeira era presidente do Comitê Organizador Local (COL). O Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) considerou as transações atípicas.

Segundo reportagem da revista Época, o documento mostrou que Teixeira tinha contas no exterior e usou esse dinheiro para comprar um apartamento de R$ 720 mil no Rio de Janeiro, mas o valor de mercado do imóvel pode chegar a mais de R$ 2 milhões, conforme denúncias revelada em 2011. O ex-presidente da CBF ainda vai responder pelos crimes de evasão de divisas, falsidade ideológica e falsificação de documento público.


Fonte: Diário do Poder

Nenhum comentário:

Postar um comentário